Famílias Multigeracionais Corresidentes: caracterização da geração sanduíche e da geração pseudo-sanduíche

Francismara Fernandes Guerra, Karla Maria Damiano Teixeira, Márcia Barrosos Fontes

Resumo


Nossa análise busca determinar o perfil demográfico das famílias multigeracionais corresidentes, diferenciando as gerações sanduíche e pseudo-sanduíche ao estabelecer as relações de dependência entre os membros segundo a apropriação da responsabilidade pelo domicílio. Para isso, empregamos as relações de parentesco e convivência descritas no Censo Demográfico brasileiro de 2010. Nossos resultados mostram uma grande proporção de famílias multigeracionais corresidentes sob a responsabilidade da geração mais velha. Isso pode significar que a maior dificuldade em se estabelecer um domicílio próprio recai sobre a geração intermediária que, com filhos, depende dos pais, muitas vezes idosos, para assegurar sua moradia.


Palavras-chave


domicílios multigeracionais, geração sanduíche, geração pseudo-sanduíche.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Qualis: B2 (Serviço Social), B5 (Direito), B2 (Interdisciplinar) e B4 (Enfermagem)